Simule

Vaso sanitário: Tecnologia permite gerar energia no uso.

16 de julho de 2021

compartilhe

Inusitado, projeto de vaso sanitário utiliza o metano gerado pelas fezes para gerar energia.

Parece brincadeira, mas na Coreia do Sul pesquisadores desenvolveram uma forma de de gerar energia (e dinheiro) através de um vaso sanitário. Tudo que é eliminado do corpo é utilizado para gerar energia de um prédio inteiro e ainda gerar renda para os estudantes que fizeram a proeza.

Cho Jae-weon, professor de engenharia ambiental do Instituto de Ciência e Tecnologia de Ulsan (UNIST) foi o mentor do projeto batizado de: BeeVi. O funcionamento fica por conta de uma bomba a vácuo que manda as fezes para um tanque subterrâneo, reduzindo o uso de água para dar descarga.

Projeto do Vaso Sanitário
Fonte: South Korean Post

No tanque, microorganismos decompõem os resíduos que são transformados em metano. Assim o gás gerado se torna energia para alguns dispositivos como um fogão, caldeira de água quente e uma célula movida a óxido sólido. (Usando o mesmo princípio de um biodigestor)

“Se você pensar fora da caixa, as fezes têm um valor precioso para gerar energia e estrume. Eu coloquei esse valor em circulação ecológica”.

Cho Jae-weon para Reuters.

Um ser humano produz aproximadamente 500g de excremento por dia, que segundo Jae-weon pode gerar até 50L de gás metano (que transformando em energia é algo em torno de 0,5 kWh de eletricidade).

Usar o vaso sanitário gera dinheiro para estudantes!

O Ggool (mel em coreano) foi o método que o professor encontrou para convencer os estudantes a utilizar a engenhoca. São 10 Ggool ganhos por uso do vaso por dia. A moeda é aceita nos estabelecimentos comerciais do campus, como cafés, lanchonetes e livrarias onde estudantes podem comprar produtos nas lojas com Ggools por meio de QR code.

QR CODE que gera Ggools para os estudades utilizarem no campus.
Fonte: South Korean Post

O que é o processo de Biodigestão?

O processo utilizado pelo professor sul-coreano possui o mesmo princípio de biodigestão presente em algumas usinas da COGECOM.

Saiba como funciona para você possuir energia gerada de forma consciente:

Sistema COGECOM de energia!

Sem custo de adesão, o estabelecimento participa da geração remota de energia em usinas menores de energia renovável, que são repassados a concessionária, gerando créditos de energia pagando de 10 – 20% menos na fatura.

Você pode saber se seu estabelecimento se enquadra para Geração Distribuída clicando aqui.

Entre em contato e lhe ajudaremos gratuitamente a saber qual alternativa é melhor para seu negócio.

Se você quer saber como funciona uma usina de biodigestão e como ela produz energia limpa, saiba mais em nosso post abaixo: